domingo, 17 de agosto de 2014

Amplificador valvulado para fone de ouvido

Sou um amante de música de boa qualidade e quando falo em boa qualidade, me refiro a música onde a produção e a qualidade sonora se sobressaem.

Muitos amantes de música afirmam que equipamentos valvulados soam melhores que equipamentos com circuitos de estado sólido, alguns afirmam que embora as válvulas acrescentem componentes harmônicos artificiais "colorindo" o som, o resultado é mais agradável aos ouvidos do que os circuitos de estado sólido. Amplificadores valvulados são grandes e dispendiosos, projetos de qualidade tem um custo muito elevado e não são fáceis de serem construídos.

Pesquisando recentemente, por projetos e produtos, me deparei com um pequeno amplificador valvulado para fone da marca BRAVO AUDIO, intitulado V1 de luxe, que pode ser comprado no dx.com por menos de $70. Ao ler os posts relacionados a ele, todos afirmando sua excepcional qualidade, resolvi ir mais a fundo nas pesquisas e achei vários  esquemas relacionados ao mesmo  e também vários "MODs" e circuitos similares. Resolvi, então me aventurar na construção de uma versão destes circuitos.

É um amplificador hibrido, utiliza um mosfet IRF510 para baixar a impedância de saída, e trabalha em pura CLASSE A. Os componentes são comuns em lojas brasileiras, incluindo o coração do mesmo, uma válvula EH6922. Minha versão ficou com a aparência bem parecida com o original, com somente pequenas modificações. O resultado foi um amplificador extremamente compacto, com um visual retro-futurista de extrema beleza. 


Eu o utilizo com um antigo fone SONY MDR-V200 ( 32ohms ), que é de boa qualidade mas não é um fone topo de linha, e a qualidade sonora me surpreendeu. Meus testes são sempre a partir de uma mesma fonte sonora, o disco "The Ultimate Demonstration Disc: Chesky Records' Guide to Critical Listening", um disco que não deve deixar de existir na discoteca de quem realmente gosta de áudio de qualidade.


Os graves são profundos, os médios possuem uma presença incrível e os agudos são brilhantes, tudo isso num perfeito equilíbrio, tornando desnecessário a utilização de controles de tonalidade ou equalizadores.

Abaixo segue a foto da minha versão montada, e as suas características.

  
Tensão de alimentação24VCC
Sensibilidade de entrada100mV
Impedância de entrada100KOhm
Impedância de saída20~600 Ohm
Ganho30dB
Resposta de frequencia10Hz-60KHz +/- 0.25dB
Relação sinal ruído>90dB
Faixa dinâmica84.6dBA(300 ohm) 89.8dBA(33 ohm)
Distorção harmônica total0.016%(300 ohm) 0.45%(33 ohm)I




Um comentário:

  1. Olá, tenho interesse nesse projeto, você tem um email para contato?

    ResponderExcluir